29/01/2018

Customizar é um ato de liberdade e criatividade



Você possui alguma peça no guarda-roupa que foi customizada por você? Se não, esse é o momento de começar a tomar coragem e renovar aquela t-shirt ou aquela calça que você não estava usando tanto.

Não é necessário ser um expert em cortar roupas, pintar ou colar patches para customizar. Para mim customizar sempre foi algo feito espontaneamente, um dia de tédio, uma olhada na arara, uma roupa escondida que não aguentava mais usar e quando via já estava rasgando a peça toda (risos).

Uma coisa que aprendi com customização é que ela pode mudar TOTALMENTE sua visão de uma peça que não te agradava tanto assim.

O meu exemplo mais recente é de uma calça jeans que havia comprado para usar na faculdade. Ela sempre foi mais larga e por ser de cintura baixa me incomodava muito. Usava a barra dobrada, mas ainda assim preferia usar todas as minhas outras calças e deixar essa esquecida em casa. Um belo dia olhei pra ela e pensei: "acho que se eu rasgar ela, vai ficar bem melhor". Entrei no meu quarto, peguei a tesoura e o estilete e rasguei uma calça "nova". Poderia ficar horrível, mas ficou incrível, hoje eu  utilizo ela mais que muitas outras calças!



O medo da customização dar errado é natural, ainda mais quando customizar não é a sua maior habilidade, como é meu caso. Já estraguei camisetas (brancas e lisas, ainda bem) tentando fazer algo diferente, mas já "estraguei" uma camiseta do AC/DC e depois utilizei isso como forma de deixá-la mais a minha cara e mais destruída, não intencionalmente, mas como um acidente que deu muito certo no final.



Costurei o enorme rasgo que eu fiz nas laterais e agora ela está super "podrinha" e super confortável.

Se você tem medo de arriscar inicialmente, pode investir nos patches ou broches, que são mais certeiros para ficar como você planejava. Essa t-shirt era antiga e resolvi cortar para virar um cropped. Coloquei dois patches fofos para não ficar tão simples e achei super usável no meu dia a dia!



Realmente é muito prazeroso quando você usa algo que você fez ou você transformou! Além de fazer com que você se inspire e crie, também faz com que você trabalhe a mente no intuito de cada vez mais usar o que tiver vontade e como tiver vontade. Customizar vai muito além de seguir o DIY que você viu na internet, é uma forma de colocar a sua personalidade naquela peça, um pedacinho do que você representa. E a melhor forma de começar a expor sua personalidade customizando é personalizando algo que você não usa mais, nunca usou ou não gosta tanto assim.

Vamos perder o medo e adotar o faça você mesmo? Independente do resultado final eu garanto que não vai se arrepender!


3 comentários:

  1. Eu nunca customizei nada, mas deveria sim!
    Beijos, eu amei as peças customizadas por ti.
    https://karenellenblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Karen! Tente customizar alguma peça, vai gostar do resultado :)
      Beijos ;*

      Excluir
  2. Hello,

    as always a great article. I read well. I see you know what you're doing and you're going.Just the next one. You have my support.

    http://bit.ly/earn-MONEY

    ResponderExcluir